22/12/2016

Professor que chamou aluno de malcriado e mau-caráter desaparece

Por | - 06:16


O professor da Escola Aurea Pires Montes de Souza, no bairro Aeroporto Velho, em Rio Branco, que deixou recado na prova de um aluno de 11 anos o chamando de malcriado, mal-educado, malcomportado, mau-caráter e mentiroso, desapareceu. É o que informou a Secretaria de Estado de Educação (SEE) nesta quarta-feira (21).
Após denúncia da mãe da criança Helen Araújo na imprensa, nesta terça-feira (20), o caso ganhou grande repercussão. Procurado, o diretor de Gestão Institucional da SEE, Justino Queiroz, informou que será insaturada uma sindicância administrativa, porém, a SEE ainda tenta localizar o professor que até o momento não foi localizado. Queiroz informou ainda que o professor tem contrato provisório com o Estado para lecionar, mas não informou até quando é om prazo do contrato.
“Estamos tentando localizá-lo para ele prestar esclarecimento. Recebemos as reclamações e vamos averiguar todas. Nossa intenção maior, é respondermos à sociedade”, comentou.

A mãe do aluno disse que a prova ocorreu no dia 12 de dezembro, mas, após ser entregue pelo professor, o filho ficou com medo e escondeu o papel por ao menos três dias.
“É um absurdo um professor escrever isso para o aluno. Ele já tinha falado várias outras coisas também e meu filho sempre chegava em casa reclamando”, disse a mãe.
Ela também informou ter procurado o Ministério Público para fazer a denúncia, mas os atendentes pediram que ela esperasse o posicionamento da SEE para que o órgão pudesse agir.
Nas redes sociais muitos internautas criticaram a atitude da mãe em denunciar o professor, pelo motivo de muitas crianças apresentarem comportamentos diferentes nas escolas do que apresentam na frente dos pais.
“Na verdade, é fácil chegar e falar. O problema é que a conduta do professor não foi correta. Ele tem outras posturas inadequadas que também já foram motivos de reclamações”, disse a mãe.

Fonte: Ac24horas
Inf: www.alertaacre.net

COLUNISTAS